Eu não sei se sou corajosa o bastante


6 de nov de 2015



Olá Pessoal,

Tudo bem?


O texto de hoje é do site The Healthy Doctor , é um texto que me emocionou.


Ele fala sobre o amor da mãe pelo filho e do desapego, pois toda mãe acha que o filho vai ser para sempre um bebê, estou vendo o meu crescendo e ficando independente e está sendo difícil eu me desapegar.



Venham conferir.

 Eu não sei sou corajosa o bastante




Eu não sei se sou corajosa o bastante





Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para te amar, só para ter que deixá-lo ir.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para acordar sem ver suas cabecinhas ao meu lado no meu travesseiro.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para ver você aprender a andar de bicicleta, para ver você colocar em um uniforme escolar, amarrar os cadarços, e partir para o grande mundo em seu próprio país.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para assistir a brincar no  pátio da escola, fazer amigos e perder amigos.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para levá-lo para a escola sem você querer segurar a  minha mão.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para ver você se apaixonar, ter seu coração partido, e se esforçar para encontrar o caminho certo.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para assistir e tentar descobrir o que é exatamente o que você quer fazer e, em seguida, tentar o seu melhor para conseguir isso.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para vê-lo navegar pelos mares revoltos da vida adulta, longe de minhas asas protetoras.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para ser sua mãe, para manter seus corações no meu coração, e senti-los bater mesmo quando você não está comigo.

Cada momento com você é como uma pérola, amarradas em um fio ligado ao meu coração, com as pérolas caindo um por um; um colar interminável de memórias que eu mal posso tocar antes de escorregar para fora do meu alcance.

Cada memória é impregnado com lágrimas, alegria, riso, cansaço, frustração e tédio.

Eu não sei se eu sou corajosa o suficiente para te amar do jeito que deveria.. Mas tenho a sensação de que isso não importa, porque a minha coragem vem de seus olhos, seu sorriso, seu toque, e as coisas que você diz que faz meu coração subir e quebrá-lo ao mesmo tempo. Como "Você é a melhor mamãe no mundo". Eu sinto que isso é verdade, e não é verdade, de uma só vez. Seja qual for a coragem que eu tenho, que em sua maioria vem de você.


Vocês são aqueles que são corajosos. Meu poço profundo de coragem vem apenas de seu entusiasmo, sua inocência e sim, sua ousadia. Eu coloquei minha mão em suas pequeninas, tomar uma respiração profunda, e sair cada dia com esperança, amor e não se arrepender.


Eu fiz a tradução do texto pessoal, para conferir o texto original basta clicar no link abaixo.

http://carolynee.net/i-dont-know-if-im-brave-enough/


Um ótimo final de semana a todos!






6 comentários:

  1. Um texto profundo, né Mari.
    Um dia nossos filhos vão crescer, amadurecer, passar por tantas coisas e o mais importante é a gente poder participar incentivar e estar ao lado deles...
    Muitas coisas não são fáceis, mas a gente aprende a viver e seguir em frente, acredito eu...rs
    Meu Vitinho era um bebezinho a pouco tempo atrás, agora já caiu o primeiro dentinho... São muitas emoções, mas que vale a pena viver todas elas...
    Um beijo grande,
    Ju

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Ju,

      Verdade Ju, eles vão crescer e viver muitas coisas mas espero estar aqui para auxiliar ele nessa fase.
      O vitinho está ntão grande, passa muito rápido né .

      Grande bjo
      Ju

      Excluir
  2. Que texto mais lindo e emocionante! Chorei!

    ResponderExcluir
  3. Lindo texto... <3
    Beijão, www.blogbabylo.com

    ResponderExcluir
  4. Nossa Mari que texto lindo. Me sinto exatamente assim. Bjos

    ResponderExcluir
  5. Emocionante! Chorando aqui.
    Parabéns

    Beijos
    www.agorasomospais.com.br

    ResponderExcluir